Torres del Paine





O Parque Torres del Paine até q fica bem longinho da cidade de Puerto Natales, levamos cerca de 2 horas para chegar là.
Antes de chegarmos lá, passamos por uma caverna pré-histórica, que foi formada após a era Glaciar, onde o gelo derretido e tranformado em àgua, foi cavando a encosta da montanha e formou a tal caverna. Nessa caverna, a uns quase 100 anos atras, foi descoberto restos de um animal pré-histórico de 3m de altura, o qual eles deram o nome de Milodón.
Essa caverna é imensa, e a estátua do animal está nas fotos aí em cima.






Andando na estrada q vai até o parque, lá pelas tantas, depois de uma curva e de uma colina, temos a primeira visao das Torres. É algo realmente incrível e emocionante. Uma visáo maravilhosa dessa cadeia de montanhas de formaçao bem característica. Na verdade, as torres só podem ser vista de fora do parque, dentro dele, em funçao da proximidade com as montanhas, elas sao pouco visíveis.





No dia q fomos pra lá, estava claro limpo e com um sol maravilhoso. Mas infelizmente, tinha uma metida de uma nuvem “presa” em uma das torres, q impossibilitou de vermos as 3 torres nítidas e completas, e nas fotos ficaram piores ainda.

Tirando isso, o Parque é muito, muito, muito lindo. É um conjunto incrìvel de lagos e montanhas q a cada curva trás uma surpresa.
Há um contraste interessante entre os lagos escuros, quase negros, e os lagos de um azul da cor do céu.

Fora os animais do parque e o Glaciar Gray, que merecem dois tòpicos distintos.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s