Jardin des Tuileries

continuando…

Ali começa o Jardin des Tuileries. Frequentadíssimo por turistas e parisienses. O engraçado daqui são duas coisas: o seu tênis – ou seja lá o sapato que estiver usando – e a barra da sua calça, ficarão totalmente cobertos por uma poeira branca, em função da areia ou pedrisco branco que há espalhado por todo o caminho. Outra coisa são as cadeiras espalhadas por todos os lados, em especial ao redor dos dois espelhos d’água que aqui se encontram. Cadeiras soltas, que ficam ali a disposição para você colocar onde quiser, e sentar-se pelo tempo que preferir. Há modelos mais reclinados, para banhar-se ao sol. E NINGUÉM as leva pra casa, é um bem comum respeitado por todos. (em Paris compramos um livro com fotos antigas da cidade, o lance das cadeiras existe a décadas, só mudaram os modelos, obviamente)

No final desse Jardim, como a maioria deve saber, fica o Arc de Triomphe du Carrousel e o museu do Louvre – outro desejo declarado dessa pessoa que vos escreve. E assim foi, com muito prazer, que eu conheci de perto (e até então por fora) esse local que antes só conhecia por fotos ou pelo Google Earth. Todo mundo sabe o que é o Louvre, dispensa apresentações, não é? Foi muito legal ver as pessoas usando esses jardins como local para um “happy hour” no fim da tarde.

continua no próximo post… Ile de la Cité

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s