Overdose Romana

Tá com paciência e vontade de saber um pouco mais sobre Roma? Então senta que o post é grande. Vem comigo. 

No dia 06 de maio, saímos para conhecer um pouco mais de Roma. Nosso primeiro destino foi a Igreja Santa Maria Maggiore, que dizem ser a mais fina igreja de Roma, em função da grande quantidade de ouro provinda do Novo Mundo (oi? somos nós?) e dos seus vitrais. Segundo nosso guia (livro), há nessa igreja uma réplica da manjedoura de Cristo, abaixo você poderá conferir a foto…

Dali seguimos novamente em direção à Cidade Antiga. Visitamos o Circo Massimo, que era uma arena próxima ao Coliseu onde, naquele tempo, se realizavam corridas de biga. Atualmente é uma grande área aberta com gramado, onde alguns jovens casais de namorados vem passar as tardes sob as árvores.

Teto da Igreja de Santa Maria Maggiore, adornado com o ouro do Novo Mundo

Réplica da mangedoura de Cristo, identico não?

Circo Massimo

Como disse anteriormente, tentamos usar nossos ingressos para visitar o que faltava do Foro Romano, o que não foi possível, pois o voucher é válido para 1 dia somente e achamos que não valeria a pena comprar os ingressos novamente. Então circulamos os muros do Foro Romano (pobre? haha) mas dali já deu pra ver muita coisa interessante e muitas ruinas, inclusive o local que fora prisão dos apóstolos Pedro e Paulo. – Na verdade Roma é um grande sítio arqueológico, tem diversas ruinas espalhadas pela cidade, é impressionante de ver. Por isso não existem muitas linhas de metrô em Roma, a cada escavação, se encontra algo. Pensando por esse lado, pagar para ver ruinas é bem coisa para turista.

O tempo não colaborou muito conosco nesses dias e começou uma garoa fina. É sempre bom levar guarda-chuva na mochila. Queríamos visitar a Igreja San Clemente, ainda nessa região. O interessante dessa igreja é que no seu piso inferior, existe ainda um antigo templo mitraico e um altar com a imagem de Mitras em um ritual matando um touro. Há ainda ruas de 1900 anos, restos de edifícios e um córrego subterrâneo que, acredita-se, ser o antigo sistema de esgoto de Roma. Vale a pena a visita, mas nós não conseguimos entrar. Pois na hora em que ali chegamos estava acontecendo um velório. Resolvemos primeiro ir almoçar e voltar mais tarde. Só que quando voltamos o velório estava realmente terminando, o corpo saindo para o sepultamento e tal, e foi só o corpo sair, as portas da Igreja foram fechadas, ou melhor, trancadas por assim dizer.

Foro Romano - ruínas

Prisão dos apóstolos Pedro e Paulo

Mais um pouquinho da cidade antiga

Dali seguimos para o centro. Passamos ainda por algumas igrejas e uma loja que nos chamou a atenção, trajes e acessórios para padres, bispos e outros membros da igreja. Tem de tudo ali: mantos, camisas, sapatos, chapéus (me desculpem, não sei os termos corretos para essas vestimentas) até anéis, crucifixos e kits para algo como benzimento ou exorcismo. Isso sem falar nos preços, coisas como a capa de um “lecionário” em prata e basalto, esculpido a mão, por 970 euros.

Visitamos também a Igreja de Santa Maria sopra Minerva – mais um exemplar de Igreja Católica construído sobre um antigo templo ao culto de um deus romano: nesse caso, Minerva. – Dentro, mais uma obra de Michelangelo, Cristo Ressucitado. E o túmulo de Santa Catarina de Siena. Eu achei as rosáceas dessa igreja mais bonitas que a da Santa Maria Maggiore.

Loja de roupas sacras

Mais da vitrine

Santa Maria sopra Minerva, interior da igreja

Cristo Ressucitado, de Michelangelo

E então, chegamos ao Pantheon, mais um local destinado ao culto de outros deuses antigos romanos, foi construído sobre o templo de Marcus Agripa, pelo Imperador Adriano, em 118 a.C. Sua cúpula ainda é considerada a maior cúpula de concreto não armado do mundo, tem 43,3 metros de diâmetro. Atualmente ele pertence também a Igreja Católica, e serve de túmulo para grandes personalidades como Rafael e reis italianos (Vittore Emanuele II e Umberto I). A fachada estava em reforma e sua área externa é muito simples. Mas é impressionante estar dentro dele. A sua abertura central nem parece tão grande, mas tem 9 metros de diâmetro. Se não fosse tão cheio de turistas, com certeza seria um convite à meditação.

Logo ali tem a Piazza Navona, antes uma antiga pista de corrida romana, hoje é uma praça muito agitada, frequentada e cheia de cafés, artistas e turistas. Ali também se encontra a embaixada do Brasil, e foi onde paramos para tomar um sorvete italiano, delícia! A praça é muito linda, mas acredito que no verão deva ser insuportavelmente quente, pois é puro concreto, pedras e cimento, sem nenhuma sombra de árvore.

Lateral externa do Pantheon

Fachada em reforma

Cúpula com a abertura no topo

Interior do Pantheon - nenhuma foto consegue capturar a dimensão do local

Embaixada do Brasil

Artistas na Piazza Navona

Sorveteeee italiano, hmm!

O dia resolveu colaborar e abriu um restinho de sol. Mais uma pernada e chegamos a Fontana de Trevi, a mais famosa das fontes romanas, e a mais romântica. Abarrotada de turistas, ficou quase difícil de tirar alguma foto, e onde eu fiz a tradicional simpatia, de costas, jogar 1 moeda para voltar pra Itália, 2 para voltar pra Roma. A Fontana é muito linda, as águas tão límpidas e frescas, dá mesmo vontade de tomar um banho, como fizera Anita em La Dolce Vita.

E então, para fechar esse overdose de Roma no segundo dia, jantamos no Hard Rock Café, por incrível que pareça, um dos lugares com melhor custo x benefício em termos de refeições na cidade. Claro que é comida americana, se você procura algo tradicionalmente italiano, tem que ir nos restaurantes e cantinas italianas, mas já adianto que o preço é caro! Hard Rock é bom no preço e na comida, mas mais divertido ainda é ver de perto algumas relíquias dos astros do rock.

Fontana di Trevi

Fontana di Trevi

E a multidão em frente a Fontana

Hard Rock Café Roma

Interior do Hard Rock, e uma jaqueta do Elvis emoldurada na parede. Detalhe para o céu angelical.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s